Wayfinding – Origem

No seguimento dos artigos anteriores abordando a aplicação de Wayfinding nos diversos ambientes, voltamos à sua definição para mencionar os marcos mais relevantes na origem da sua aplicação e evolução.

O termo travelling (1) foi introduzido no séc. XVI como “viajar ou viajar por estrada”, onde um viajante é a pessoa que viaja por estrada e normalmente a pé.

Definido como o conjunto de processos necessários para a resolução de problemas em espaços, que poderão dificultar a orientação e circulação quando pretendemos chegar a um destino, a evolução do significado de Wayfinding considera a evolução em quatro períodos de tempo diferentes até à sua moderna utilização.

Blog 18-2

 Em 1960 o urbanista Kevin Lynch(2) utilizou o termo way-finding definindo o “uso consistente e organização de sinais sensoriais definidos no ambiente externo“. O seu trabalho foi baseado no conceito de orientação espacial e mapas cognitivos, a primeira diz respeito à forma como se localiza em determinado ambiente e a segunda refere-se a uma imagem mental ou representação do espaço. Nos anos setenta, iniciou-se uma importante mudança quando os cognitivistas argumentaram a necessidade de entender os processos implícitos, para interpretar como as pessoas encontram o caminho. O conceito deslocou-se da orientação espacial, para os processos que incorporam a percepção, cognição e tomada de decisão, que originou o termo wayfinding como hoje o trabalhamos.

Esta ideia reflectia uma abordagem diferente para estudar o movimento das pessoas e a sua relação com o espaço fisico. Apresentado como um método espacial de resolução de problemas, consideramos a sua relação com a percepção e desenvolvimento do plano de acção, a cognição, comportamentos apropriados e tomada de decisão, responsável pelo suporte de informações nos dois processos relacionados à decisão.

Em 1984 Romedi Passini(3) no seu livro “Wayfinding in Architecture”, alargou o conceito à arquitectura e à sinalização. A sinalização é agora considerada pelo design gráfico ambiental, como o meio mais importante para comunicar informações de orientação sobre espaços  fisicos, porque transmitem mensagens significativas, que ajudam as pessoas a formar e executar decisões no seu ambiente.

Calori(4), “Signage and Wayfinding” categorizou a sinalização em sete categorias:

Sinais de identificação – reconhecem o local ou ambiente de destino.

Sinais direcionais – conduzem as pessoas para os vários destinos em cada ambiente.

Sinais de alerta – advertem para perigos ou procedimentos de segurança.

Sinais regulatórios e proibitivos – estabelecem o comportamento das pessoas e proibem certas actividades.

Sinais operacionais – informam o uso e as operações de um ambiente.

Sinais honoríficos – atribuem honra às pessoas associadas a um ambiente.

Sinais interpretativos – ajudam a explicar o significado fornecendo referências da sua história.

Blog 18-4

Os termos Wayfinding, sinalização e gráficos ambientais, são portanto recentes e alvo da nossa atenção e estudo.

Carlos Mateus, 2020

Fontes:
1 New Oxford American Dictionary, 2001.
2 Kevin Lynch. The Image of the City. Cambridge, Mass.: MIT Press, 1960. 
3 Paul Arthur and Romedi Passini. Wayfinding: People, Signs, and Architecture. McGraw-Hill Book Co., 1992. vi.
4 Calori, Signage and Wayfinding Design, 71-15.

seu trabalho foi baseado no conceito de orientação espacial e mapas cognitivos. A primeira diz respeito à forma como se localiza em determinado ambiente e a segunda refere-se a uma imagem mental

Categorias OPINIÃO

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Create your website with WordPress.com
Iniciar
%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close